terça-feira, novembro 20, 2007

suspiro da alma

Sabe quando tu achas que achou teu momento perfeito?
Pois, esses dias estive onde sempre quis estar, com a companhia que sempre quis ter. Foi perfeito. Não queria que acabasse nunca. O tempo podia congelar. Podia passar o resto da vida ali.
Mas, a medida em que o tempo passava e aquilo ficava cada vez melhor, me dei conta que não iria ser pra sempre. Que mais um pouco e eu teria que ir embora, que algo interromperia aquele instante.
Fiquei com medo da dor do fim.
Por mais contraditório que fosse, fiquei louca pra ir embora. Acabar logo com aquilo que eu não queria que terminasse nunca.
Medo.
Puro medo.
Não consigo explicar. Quis terminar antes que terminasse. Quis acabar enquanto ainda estava bom.
Terminei, levantei, deixei ali meu coração e vim embora.
Covarde, eu sei que sou.
Mas vou ficar com a lembrança. Linda. Pra eu voltar quando estiver triste, nem que seja nos meus pensamentos. Será minha ilha de felicidade. Só minha.
(Antes que alguém pergunte ou estranhe: não eu não to falando de Brasilia. Odiei cada minuto do tempo em que estive lá. A única coisa boa foi a certeza de ter tomado a melhor decisão da minha vida ao não aceitar o emprego lá. Minha felicidade ta aqui, bem ao meu lado)

6 comentários:

Anônimo disse...

Acho que te vi na tv esses dias, se não era vc, era alguém mto parecida contigo. Bacana teu blog! Abraços!

Priscila disse...

Que bom te ter de volta!

E que babado é esse?!!??!

Clari Ro. disse...

Eu tava aqui pensando...deve ser bem ruim mesmo lá. Não tem nenhuma música falando de Brasília, tipo "Porto Alegre é demais" ou "o Rio de Janeiro continua lindo". Deve ser um *. E quente. Quando tu vem me ver? :-))

Márcio disse...

Chegou ao orgasmo pelo menos?

Mônica disse...

obrigada anônimo. acho que na tv não era eu não, pelo menos não lembro de ter feito nada que me fizesse aparecer.

pri, babado do tipo "foi bom enquanto durou".

não deve ter mesmo Clari. Acho que mes que vem terei uma folguinha e vou ver se apareço.

vou te deixar no benefício da dúvida márcio.

Marilac disse...

Oii Mõnica,
Alguns momentos nos marcam para sempre..
É natural ter medo, algumas decepções vão nos deixando meio escaldadas....
Essencial é manter a Esperança...você tem muita coisa boa para viver !!!